10FEIRA CURITIBANOS

Uma das vertentes do trabalho dos internos na Penitenciária da Região de Curitibanos é a produção agrícola. De segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, uma feirinha na entrada da unidade garante produtos de ótima qualidade e fresquinhos aos moradores da região, familiares de sentenciados e funcionários da unidade.

De acordo com as políticas laborais instituídas pela SAP e pelo Deap, a unidade prisional deve oferecer atividade qualificada e, preferencialmente, identificada com a vocação econômica da região.

Parabéns à equipe da Penitenciária da Região de Curitibanos.

 DSC0022

O Departamento da Administração Prisional (Deap) informa que dos 2.588 internos que deixaram o sistema prisional com autorização judicial, por meio do benefício da saída temporária, 2.501 já retornaram às unidades. Isso representa uma evasão de 3.36%. Dos 135 evadidos 48 foram recapturados e 87 são considerados foragidos.


Esse levantamento do sistema i-pen contempla as saídas temporárias realizadas entre os dias 19/12 e 31/12, sendo que os internos que deixaram as unidades no dia 31/12 tinham como prazo de retorno as 17h desta terça-feira, dia 7 de janeiro.

Números de evasão por unidade:

ARARANGUÁ – 02 (Presídio)
BLUMENAU – 04 (Presídio)
BRUSQUE - 01 (UPA)
CAMPOS NOVOS - 01 (UPA)
CHAPECÓ - 13 (Penitenciária)
CRICIÚMA – 01 (Penitenciária Feminina)
CRICIÚMA – 06 (Presídio)
CURITIBANOS – 05 (Penitenciária)
FLORIANÓPOLIS – 04 (Penitenciaria)
IMBITUBA – 02 (UPA)
INDAIAL – 01 (UPA)
ITAJAÍ – 09 (Penitenciária/CPVI)
ITAJAÍ – 04 (Presídio/CPVI)
JARAGUÁ DO SUL – 02 (Presídio)
JOAÇABA – 01 (Presídio)
JOINVILLE – 04 (Penitenciária)
JOINVILLE – 02 (Presídio)
LAGES – 02 (Presídio)
PALHOÇA – 13 (Colônia Penal Agrícola)
PORTO UNIÃO – 03 (UPA)
RIO DO SUL – 02 (Presídio)
SÃO FRANCISCO DO SUL – 01 (UPA)
SÃO JOSÉ DO CEDRO – 01 (UPA)
TUBARÃO – 01 (Presídio)
XANXERÊ – 02 (Presídio)

VESTIBULAR

Em Santa Catarina, 17 internos foram aprovados no Vestibular da UFSC, sendo que 11 são reeducandos da Penitenciária da Capital e outros seis do Presídio Masculino, unidades localizadas no Complexo da Agronômica, em Florianópolis.

A SAP parabeniza a Gerência de Educação do Deap e aos gestores, equipes de educação das unidades, servidores e professores da SED que apostam na educação como o caminho mais sólido para a reabilitação social e econômica de uma pessoa privada de liberdade.

Os reeducandos foram aprovados para os cursos de Engenharia de Alimentos, Engenharia de Aquicultura, Serviço Social, Educação Física, Arquivologia,  Química, Ciências Econômicas, Agronomia, Filosofia e Farmácia.

IMG 8155

A Secretaria de Administração Prisional inicia 2020 com boas perspectivas para a utilização dos recursos repassados pelo Fundo Penitenciário Nacional. Em dezembro de 2019, o Depen (Departamento Penitenciário Nacional), por meio do Fundo Penitenciário Nacional, liberou o repasse de R$ 2,7 milhões à SAP.

Uma das prioridades para o uso dos recursos é o custeio do curso de formação dos 600 novos Agentes Penitenciários selecionados no Concurso Público em andamento. Deste total, R$ 2 milhões serão destinados à compra de equipamentos – armas, munições e EPIs e outros R$ 737 mil para despesas com a aquisição de munições letais, não letais e granadas.

Desde 2016, o Fundo Penitenciário Nacional tem auxiliado na modernização e aprimoramento do sistema prisional de Santa Catarina. Com as verbas foram compradas, em 2019, 53 viaturas para o sistema prisional, além de 15 escâneres corporais. Importante destacar também que os recursos do Fundo estão viabilizando a construção da Penitenciária Industrial de São Bento do Sul, no valor de R$ 23 milhões.

"A parceria com o Depen é muito importante para o sistema prisional catarinense", conta o secretário Leandro Lima. "Com o reconhecimento que o departamento tem nos dado por meio de ações como a nota técnica, essa aproximação tende a ser cada vez mais forte."