ABERTURAREUNIAODOCENTES

O secretário da Administração Prisional e Socioeducativa, Leandro Lima, participou na manhã desta terça-feira (21), da primeira reunião dos docentes que irão atuar no Curso de Formação de Agentes Penitenciários aprovados no Concurso Público realizado no final de 2019. “Estamos fazendo hoje o alinhamento e organização pedagógica do curso. É um momento importante e marcante pois somos responsáveis pela formação de 600 novos servidores públicos do estado”, observou Leandro Lima.

Os docentes foram selecionados por meio de um edital e todos são agentes penitenciários ou funcionários efetivos da SAP. Ao todo são 141 agentes que serão tutores das 20 disciplinas obrigatórias da formação. A Academia de Administração prisional e Socioeducativa (Acaps) será responsável pelo curso. 

“O curso é a parte mais importante do processo seletivo, pois capacita os novos agentes para as diversas situações que podem ocorrer em uma unidade”, afirmou o diretor do Deap, Deiveison Querino Batista.

O diretor da Acaps, Paulo Roberto de Oliveira, falou aos docentes sobre o sistema pedagógico da academia e orientou sobre os procedimentos para elaboração dos materiais didáticos. Além dele, a corregedora da SAP, Tatiane de Souza Leandro, destacou as responsabilidades dos servidores na formação dos novos profissionais.  

O Curso de Formação Profissional é uma etapa do concurso classificatória e eliminatória, com datas previstas de início em 24 de março e término dia 5 junho.

reuniaodocentes2221

fotocozinha

O Presídio Regional de Lages conta agora com uma cozinha de 125 metros quadrados, destinada à produção da alimentação dos internos. O espaço foi readequado para atender a demanda de 1,3 mil refeições diárias preparadas por 10 internas, em dois turnos.
Na reestruturação de espaços, outra área da unidade foi transformada em cozinha e refeitório para os agentes e demais funcionários que trabalham no presídio. De acordo com o gestor da unidade, Diego da Costa Lopes, a nova estrutura foi remodelada em seis meses e garante melhores condições de higiene para preparação dos alimentos.
“Importante destacar que a construção dos dois espaços é resultado de um esforço conjunto envolvendo o Conselho da Comunidade de Lages, o Conselho da Comunidade de Correia Pinto, Presídio Masculino de Lages, Penitenciária de Chapecó e Penitenciária da Região de Curitibanos”, destacou Diego.

FOTO 4

Nas próximas semanas, a Penitenciária da Região de Curitibanos começa a colheita de Uva Bordô. Essa é a segunda safra dos parreirais da unidade e a expectativa é uma produção de 3 mil quilos de uva. Dois internos da unidade são os responsáveis pelo cultivo e manutenção dos parreirais.
A Penitenciária é considerada referência nacional por manter 1005 dos reeducando trabalhando em atividades qualificadas e afinadas coma vocação econômica da região. Além da agricultura, a unidade tem convênios com empresas para a fabricação de estofados, pré-moldados e marcenaria, entre outros produtos, dentro da unidade.

WhatsApp Image 2020 01 20 at 13.39.20

Na Colônia Penal Agrícola, em Palhoça, a ronda na noite de quarta-feira (15) rendeu a apreensão de diversos materiais e objetos ilícitos. O olhar atento da equipe impediu a entrada de 132 pacotes de fumos, 8 isqueiros, 4 celulares, 1 carregador, 57 pacotes de seda e aproximadamente 2 quilos de substância análoga à maconha. O material foi deixado nas proximidades da cerca da unidade e recolhido pela equipe do plantão.